Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > A trajetória da mulher na educação brasileira
Início do conteúdo da página
Enem

Ministro destaca importância de plataforma virtual de estudos

  • Segunda-feira, 09 de dezembro de 2013, 19h34
  • Última atualização em Quarta-feira, 11 de dezembro de 2013, 20h47
São Paulo – Os candidatos que fizerem a edição 2014 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderão contar com a ajuda de uma plataforma on-line de preparação. Trata-se do Geekie Lab, que consta do Banco de Propostas Inovadoras em Avaliação da Educação Básica do Inep. A ferramenta, ainda em forma de adaptação, foi utilizada por mais de dois milhões de jovens nos dois meses em que ficou em funcionamento. A ideia para o ano que vem é dar acesso gratuito para todos os estudantes da rede pública do país, contando com o apoio das secretarias estaduais de educação.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, participou nesta segunda-feira, 9, em São Paulo, do encerramento do Geekie Games 2013. Em sua fala, ele parabenizou a iniciativa e reforçou a importância do Enem. "O Enem é para onde esses jovens estão olhando. É uma perspectiva fantástica", disse.

Utilizando o modelo de provas do Enem, o Geekie Lab traz, além de questões nas áreas de conhecimento do Enem, um plano de estudos semanal para que o estudante supere os seus principais pontos fracos para melhorar sua nota na prova. A plataforma simula as notas dos alunos e, com base neste resultado, apresenta um plano detalhado de estudos. Os professores, inclusive, podem acessar os resultados da plataforma para verificarem os desempenhos dos seus alunos. O Geekie Lab ajuda a formar um diagnóstico de cada escola do país.

Mercadante também reforçou as diferentes ações do MEC para garantir a ampliação da tecnologia na educação, mas garantiu que ainda há muito para avançar. Uma das principais ações é a formação de professores e a distribuição de tablets para os professores do ensino médio. "A tecnologia da informação dialoga com a juventude. E o professor precisa ter conhecimento desse instrumento", pontuou o ministro.

Assessoria de Comunicação Social

Assunto(s): Enem
X
Fim do conteúdo da página