Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Filosofia e sociologia são disciplinas obrigatórias no ensino médio
Início do conteúdo da página
Educação superior

Posse dos reitores da UFPE e da UFMA

  • Quarta-feira, 10 de outubro de 2007, 15h56

Haddad assina termo de posse de reitores (Foto: Júlio Cesar Paes)O ministro da Educação, Fernando Haddad, deu posse aos reitores Amaro Henrique Pessoa Lins, da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), e Natalino Salgado Filho, da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), nesta quarta-feira, 10, em Brasília. Durante a solenidade, o ministro disse que o Plano de Desenvolvimento da Educação tem como ponto de partida o apoio dado ao ensino, da creche à pós-graduação, sem priorizar etapas. “O momento é de intensa mudança da educação brasileira”, afirmou.

“No Maranhão e em Pernambuco, a ampliação do atendimento da rede federal, com a construção de novos campi e novas escolas técnicas, é inédita”, destacou Haddad. Segundo ele, é preciso fazer com que o grau de excelência alcançado pela universidade pública possa irradiar novos  conceitos e cultura para outras etapas e níveis de ensino.

O ministro disse, ainda, que a região Nordeste está recebendo extrema atenção do Ministério da Educação e que todos os estados nordestinos foram visitados pela Caravana da Educação. Quanto à destinação dos recursos, Haddad falou que irão para quem mais precisa.

O secretário de Educação Superior do MEC, Ronaldo Mota, fez um histórico das duas universidades federais e seus reitores, Amaro Lins, que assume a reitoria da UFPE pela segunda vez consecutiva, e Natalino Salgado Filho.

Visivelmente emocionado, Amaro Lins relembrou que em 2003 assumiu a reitoria da UFPE e participou de semelhante solenidade de posse. Agradeceu ao ministro e ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva pelo novo restaurante universitário da instituição, que será inaugurado no próximo semestre letivo. De acordo com Amaro Lins, cuja área de atuação acadêmica é a engenharia geotécnica, seu novo mandato será marcado pela consolidação da expansão universitária que já resultou na construção de dois campi no interior do estado.

O novo reitor da UFMA, Natalino Salgado Filho, disse que sua gestão será pautada na democracia participativa. “Queremos que a UFMA seja reconhecida como instrumento da promoção do conhecimento. Para tanto, estamos sintonizados com as diretrizes do Ministério da Educação que, temos certeza, nos apoiará.”

Segundo Fernando Ramos, que antecedeu Natalino Salgado na reitoria da UFMA, em 2003 a instituição tinha 31 cursos de graduação e hoje tem 43. O crescimento foi ainda maior na pós-graduação. “Crescemos 50%, em quatro anos”, afirmou Ramos, que entregou ao ministro documento com os resultados alcançados durante o mandato dele.

Participaram da solenidade de posse os senadores Edson Lobão (PMDB-MA) e Epitácio Cafeteira (PTB-MA), além de deputados, dirigentes e professores universitários.

Maria Pereira Filha

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página