Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Escola de Fábrica: divulgação adiada

  • Quinta-feira, 09 de agosto de 2007, 07h20
  • Última atualização em Sexta-feira, 10 de agosto de 2007, 08h32

A Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) prorrogou novamente a divulgação dos cursos selecionados para o programa Escola de Fábrica. No novo cronograma, o resultado será conhecido no dia 20 próximo.

Após a divulgação dos resultados, será aberto prazo para recursos até o dia 22. A análise dos recursos será tornada pública em 10 de setembro.

O programa Escola de Fábrica tem como proposta incluir jovens de baixa renda no mercado de trabalho por meio de cursos de iniciação profissional oferecidos nas empresas. É uma forma de gerar renda e inclusão social para brasileiros entre 16 e 24 anos.

Para participar, os jovens precisam ter renda per capita familiar de até 1,5 salário mínimo e freqüentar o ensino básico ou um curso de educação de jovens e adultos (EJA). Cada estudante da Escola de Fábrica recebe alimentação, uniforme, transporte, material didático e seguro de vida, fornecidos pela empresa formadora, e uma bolsa de R$ 150 mensais do Ministério da Educação.

Rodrigo Farhat

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página