Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Inscrição às bolsas remanescentes do ProUni termina nesta terça, 30
Início do conteúdo da página
Educação profissional e tecnológica

Tocantins ganha escola técnica

  • Terça-feira, 06 de novembro de 2007, 12h09
  • Última atualização em Sexta-feira, 09 de novembro de 2007, 07h19

A Escola Técnica de Paraíso de Tocantins, que será inaugurada nesta quinta-feira, 8, já atende 160 alunos (Foto: Divulgação/Setec)A região centro-oeste de Tocantins recebe nesta quinta-feira, 8, uma unidade de ensino profissionalizante, com a inauguração da escola técnica de Paraíso do Tocantins. A solenidade, às 10h (horário local), terá a presença do governador do estado, Marcelo Miranda e do secretário de educação profissional e tecnológica do MEC, Eliezer Pacheco.

A nova escola integra a primeira fase do plano de expansão da rede federal de educação profissional e tecnológica, que prevê a construção de 64 unidades de ensino técnico. Em 46 delas, as aulas já começaram. Na escola de Paraíso do Tocantins, que é vinculada ao Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet) de Palmas, foram investidos R$ 2,7 milhões. A unidade oferece gratuitamente, desde 5 de novembro, a 160 estudantes, cursos técnicos de nível médio em agroindústria, informática, gestão de bens e serviços e meio ambiente e desenvolvimento sustentável.

O município de Paraíso do Tocantins tem uma população de 40 mil habitantes e está situado a 60 quilômetros da capital, Palmas. A economia é baseada nos setores de agroindústria, serviços, pecuária e agricultura familiar. Cursos sintonizados com a economia regional estão previstos para os próximos semestres na escola, que tem capacidade para atender 960 alunos.

A partir do próximo ano, o Ministério da Educação dará início à segunda fase do plano de expansão. Serão construídas mais 150 escolas técnicas no país, com investimento de R$ 750 milhões. Só no Tocantins serão mais três — em Gurupi, Araguaína e Porto Nacional.

Em 2010, a rede federal chegará a 354 unidades, com cerca de 500 mil vagas. Hoje, conta com 175 escolas técnicas.

Felipe De Angelis

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página