Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Hora do Enem reprisa episódios com conteúdos recorrentes no Exame
Início do conteúdo da página
Educação superior

ProUni: comprovação de dados até dia 30

  • Quinta-feira, 15 de janeiro de 2009, 14h05
  • Última atualização em Sexta-feira, 16 de janeiro de 2009, 08h49

Os 148.932 estudantes pré-selecionados em primeira chamada para receber bolsas de estudos do Programa Universidade para Todos (ProUni) devem ir às instituições onde se inscreveram para comprovar os dados declarados na ficha de inscrição. O prazo para fazer isso vai até dia 30. Desse grupo de candidatos, 94.692 têm direito à bolsa integral, que paga 100% da mensalidade durante todo o curso, e 54.240 à bolsa parcial, de 50% da mensalidade.

A coordenadora-geral de projetos especiais para a graduação da Secretaria de Educação Superior, Paula Branco, alerta os pré-selecionados para que fiquem atentos ao prazo, sob pena de perderem o benefício. Segundo Paula, as bolsas que não forem ocupadas por esse grupo de alunos vão para a segunda chamada, que começa em 11 de fevereiro. “Os pré-selecionados em primeira chamada não entram na segunda chamada”, esclarece.

A comprovação de dados na faculdade onde o estudante vai fazer o curso superior diz respeito às informações que ele prestou na ficha de inscrição do ProUni. São dados como os números do CPF e da carteira de identidade; documentos comprovando a conclusão do ensino médio em escola pública e, se em escola particular, como bolsista integral; a renda familiar; se for professor efetivo da rede pública, municipal ou estadual, deve informar esse vínculo para não comprovar renda; se for pessoa com deficiência, levar laudo médico. Na página do ProUni está a relação dos documentos para todas as situações previstas na lei que criou o programa.

No caso dos 94.692 alunos aptos a estudar com bolsa integral, eles precisam comprovar renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio (R$ 622,15), e os concorrentes à bolsa parcial de 50% do valor da mensalidade, renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos (R$ 1.245). A coordenadora do ProUni lembra aos bolsistas parciais que eles podem custear os restantes 50% da mensalidade com o Financiamento Estudantil (Fies).

Ionice Lorenzoni

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página