Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Projeto de material didático deve ser enviado até 27 de agosto
Início do conteúdo da página
Educação superior

UFC desenvolve projeto de telemedicina

  • Terça-feira, 18 de janeiro de 2005, 08h03
  • Última atualização em Quarta-feira, 10 de maio de 2017, 11h18

A Universidade Federal do Ceará (UFC) está desenvolvendo a implantação do projeto de infra-estrutura para telesaúde e telemedicina, idealizado pelo Grupo de Estudos em Tecnologia da Informação e Teleinformática (Getits), da faculdade de medicina da UFC, coordenado pelo professor Luiz Roberto de Oliveira.

O projeto, orçado em R$ 6 milhões, é uma parceria com o Ministério das Comunicações, e tem por objetivo o desenvolvimento de uma proposta de interiorização do ensino médico. Segundo o coordenador do Getits, Luiz Roberto, a idéia de se criar uma intranet de saúde nasceu na UFC e tomou corpo com a criação das faculdades de medicina de Barbalha, na região sul, e a de Sobral, localizada na região norte do Estado, onde grande parte da população depende do Sistema Único de Saúde (SUS).

"A intranet vai possibilitar a criação do centro de formação e reciclagem de profissionais da saúde como professores, alunos e funcionários. Vai permitir, sobretudo, que estes façam um treinamento para utilizar de maneira mais eficaz as novas tecnologias da informação, enfatizando ações no uso da videoconferência, da educação a distância, e os aspectos éticos que devem ser respeitados na área de saúde. O novo sistema também será vital na obtenção de titulação e formação de docentes das faculdades instaladas em Barbalha e Sobral", explicou o coordenador.

Áreas - O projeto contempla três áreas básicas: educação em saúde, tomada de decisão e monitoramento remoto nas áreas de atenção primária e clínica, patológica e cirúrgica. De acordo com o coordenador, após ser instalada toda a infra-estrutura necessária, na faculdade de medicina em Fortaleza - denominada de unidade central, e em suas extensões de Barbalha e Sobral, o Getits passará a atuar nos campos da telesaúde e telemedicina, funcionando como centro de referência, integrado às infovias do Ceará, para dar apoio e atenção primária à saúde.

O projeto permite também que os profissionais da área o utilizem como centro de segunda opinião médica para apoio a hospitais e unidades de saúde da família, do Ceará, em áreas como cardiologia, doenças infecto-contagiosas, doenças crônicas degenerativas, dermatologia, oncologia e patologia. Informações podem ser obtidas com o professor Luiz Roberto de Oliveira, no telefone (085) 3288-8055. (Assessoria de Imprensa da UFC)

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página