Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Após instabilidade nos portais, MEC prorroga prazos do ProUni e do Fies
Início do conteúdo da página
Fundeb e Orçamento

Senador promete acelerar votação do Fundeb

  • Quinta-feira, 25 de agosto de 2005, 15h15
  • Última atualização em Segunda-feira, 14 de maio de 2007, 11h38

Foto: Wanderley PessoaO presidente da Comissão de Educação do Senado Federal, senador Gerson Camata, disse nesta quinta-feira, 25, que vai tentar acelerar o andamento da Proposta de Emenda Constitucional do Fundo da Educação Básica (Fundeb) no Congresso Nacional. A PEC nº 415/05 está em tramitação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados. “Vou conversar com o relator da proposta na CCJ para que ele apresse o projeto na Câmara e nós possamos formar a comissão especial e votar o Fundeb ainda este ano”, disse.

A informação foi dada em visita ao ministro da Educação, Fernando Haddad. Eleito para a presidência da comissão no último dia 9, Camata se colocou à disposição do ministério para tratar de temas relacionados à educação no Senado Federal.

“Outra questão importante para colocarmos em debate é a reforma universitária, que vai fazer com que as pessoas que mais precisam de ensino gratuito tenham acesso à universidade pública”, explicou Camata.

O senador lembrou que a proposta de reforma da educação superior do MEC precisa ser mais bem explicada, porque grande parte da sociedade ainda não entendeu os objetivos. A reforma pretende valorizar a universidade pública, combater a mercantilização do ensino superior, buscar a qualidade do ensino e democratizar o acesso à universidade.

Repórter: Flavia Nery

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página