Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Crianças terão de ir à escola a partir do 4 anos de idade
Início do conteúdo da página
Caminhos do Mercosul

Vencedores conhecerão cidades históricas de Minas Gerais

  • Segunda-feira, 23 de novembro de 2009, 13h33
  • Última atualização em Segunda-feira, 23 de novembro de 2009, 13h40
Os 42 estudantes do ensino médio vencedores do concurso histórico-literário Caminhos do Mercosul 2009 visitarão Belo Horizonte e cinco cidades históricas de Minas Gerais, entre 11 e 20 de dezembro. O roteiro inclui São João del-Rei, Tiradentes, Congonhas do Campo, Ouro Preto e Mariana.

A sétima edição do concurso selecionou trabalhos de pesquisa de alunos de 16 e 17 anos matriculados no ensino médio regular em escolas públicas e particulares de Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai, Chile e Bolívia. A Colômbia participa como convidada. Cada país indicou seis estudantes, que farão a viagem em conjunto.

Do Brasil foram escolhidos Janelson Rodrigues Sousa, de Barueri (SP), Jorge Adriano da Silva Júnior, de Salvador (BA), José Rodrigo França da Silva, de Nova Iguaçu (RJ), Leonardo Pomaro Mendes, de São Paulo (SP), Aline Souza de Menezes Medeiros, de Manaus (AM), e Fernando Cardoso Oliveira, de Boa Vista (RR).

O tema do concurso, este ano sob a responsabilidade do Ministério da Educação do Brasil, é Cidades Históricas de Minas Gerais, subdividido em quatro itens — Um Passeio pela Arquitetura Colonial Mineira; Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho e sua Obra; O Ciclo do Ouro no Século 18 e Inconfidência Mineira.

Passeio — A viagem, que é o prêmio do concurso, começa em 11 de dezembro, com o desembarque dos estudantes em Belo Horizonte, onde serão recebidos pela Assessoria Internacional do Ministério da Educação. De 12 a 14, eles visitarão São João del-Rei; no dia 15, Tiradentes; 16, Congonhas do Campo; 17, Ouro Preto; 18, Mariana; 19 e 20, Belo Horizonte.

Criado em 26 de março de 2003, para comemorar o Dia do Mercosul e os dez anos de criação do bloco, o concurso histórico-literário é coordenado por um país a cada ano, em sistema de rodízio. O Brasil é promotor do evento pela segunda vez. Em 2006, o país escolheu o tema Brasília, Patrimônio Cultural da Humanidade. Os objetivos da iniciativa são promover nas escolas de ensino médio uma consciência favorável à integração regional, estimular e fortalecer os vínculos entre estudantes dos países do bloco, ampliar os conhecimentos e o respeito à diversidade cultural.

Ionice Lorenzoni
X
Fim do conteúdo da página