Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Escolas buscam soluções para problemas ambientais
Início do conteúdo da página
PDE

Maioria já aderiu ao PDE em São Paulo

  • Quinta-feira, 27 de março de 2008, 12h30
  • Última atualização em Segunda-feira, 31 de março de 2008, 08h42

A maioria dos municípios de São Paulo já assinaram o plano de metas do Compromisso Todos pela Educação. Dos 645 municípios, 597 já aderiram ao compromisso e apenas 48 não assinaram o termo de adesão.

Os que assinaram o plano de metas terão ajuda técnica e financeira do Ministério da Educação. Em troca, os municípios se comprometem a cumprir 28 diretrizes que traçam metas como, por exemplo, a alfabetização de todas as crianças até a idade máxima de oito anos.

A meta é equiparar a qualidade da educação brasileira à dos países desenvolvidos até 2022, ano do bicentenário da Independência do Brasil. O indicador utilizado para acompanhar a evolução das redes de ensino é o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). A média nacional do Ideb nos anos iniciais do ensino fundamental é 3,8, numa escala que vai de zero a dez. Em São Paulo, essa nota é 4,5 e deve chegar a 6,6 em 2022.

Apesar de muitos municípios paulistas já terem aderido ao Compromisso Todos pela Educação, apenas 48 elaboraram o Plano de Ações Articuladas (PAR). O plano traz as estratégias que serão adotadas para elevar a qualidade da educação. Antes de elaborar o PAR, as redes municipais fazem um diagnóstico da educação local. É com base nesse diagnóstico que o MEC se une às redes locais e elabora o plano de ações com a ajuda de especialistas. Juntos, educadores locais e representantes do governo federal definirão as estratégias necessárias para melhorar o ensino e a aprendizagem em todos os municípios de São Paulo.

Assessoria de Comunicação Social

Confira outras notícias da Caravana da Educação

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página