Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > MEC atualiza regulamentação de EaD e amplia a oferta de cursos
Início do conteúdo da página
Educação a distância

Resultado do processo seletivo do curso-piloto da UAB está na página do MEC

  • Quarta-feira, 31 de maio de 2006, 15h32
  • Última atualização em Sexta-feira, 18 de maio de 2007, 10h26

O resultado do processo seletivo do curso-piloto de administração a distância do projeto Universidade Aberta do Brasil (UAB) de nove instituições já está disponível na página eletrônica da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). No sítio, podem ser consultadas as listas de aprovados das universidades federais de Lavras (MG), Uberlândia (MG), Ceará, Mato Grosso do Sul, Goiás, Viçosa (MG), Juiz de Fora (MG), Universidade de Brasília (UnB) e Universidade Estadual/Virtual do Maranhão. A aula inaugural do curso será no dia 17 de junho, por meio de teleconferência pela UFSC.

A UAB é uma parceria entre a Secretaria de Educação a Distância (Seed/MEC), Banco do Brasil e instituições federais e estaduais de ensino superior. O curso de administração a distância vai oferecer dez mil vagas entre 25 instituições de ensino de 18 estados e do Distrito Federal. Nesse total, estão incluídas sete universidades estaduais e 18 federais.

Segundo o diretor do Departamento de Políticas em Educação a Distância, Hélio Chaves Filho, o projeto-piloto do Programa Universidade Aberta vai servir como termômetro para a expansão dessa modalidade de ensino. Ele vai funcionar como referência para a organização do Sistema Universidade Aberta e para o desenvolvimento de uma lógica de trabalho cooperativo entre professores de todo o país para a criação de cursos, modelos de gestão e metodologias inovadoras e de articulação interna.

A graduação em administração terá quatro anos. Nos três primeiros, os conteúdos serão desenvolvidos em base comum e no último as instituições participantes definirão a ênfase a ser adotada. O coordenador da comissão de acompanhamento e avaliação do projeto, Mauro Cavalcante Pequeno, da Universidade Federal do Ceará (UFC), diz que a UAB possibilita a interiorização do ensino. Com a implantação do curso, mais seis cidades serão atendidas pela UFC, que antes servia basicamente Fortaleza. A iniciativa trará benefícios para pólos turísticos como Beberibe e Aracati. “As prefeituras têm demonstrado grande interesse pelo curso”, conta.

O coordenador relata que professores estão sendo capacitados para lidar com a realidade do ensino a distância. O treinamento aumentará a qualidade das aulas presenciais, tendo em vista que os cursos tradicionais podem, por lei, utilizar 20% de aulas à distância.

Ações – O projeto Universidade Aberta do Brasil faz parte de um conjunto de ações do MEC, visando à democratização do ensino superior com qualidade e inclusão social, por meio da interiorização e ampliação. Ele foi elaborado em 2005, no Fórum das Estatais pela Educação, com o intuito de criar bases para a primeira universidade aberta do país. O fórum tem a coordenação-geral da ministra-chefe da Casa Civil, coordenação executiva do MEC e participação de empresas estatais. O objetivo é potencializar as políticas públicas da educação.

Repórter: Juliana Meneses

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página