Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > Catálogo relaciona dez novos cursos superiores de tecnologia
Início do conteúdo da página
Educação básica

Olimpíada de matemática recebe mais de 42 mil inscrições

  • Quinta-feira, 10 de março de 2005, 11h48
  • Última atualização em Quinta-feira, 10 de maio de 2007, 08h46

A 1ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) recebeu, até às 11h41 de hoje, dia 10, 42.843 mil inscrições de estudantes da quinta à oitava série do ensino fundamental e do ensino médio de escolas públicas de todo o país. O número é considerado alto, pois as inscrições foram abertas na quinta-feira, dia 3. O encerramento está previsto para 31 de maio.

Até o fim deste mês, o Ministério da Educação enviará a cerca de 60 mil escolas o material de divulgação da Obmep - cartaz, regulamento e carta dos ministros Tarso Genro, da Educação, e Eduardo Campos, da Ciência e Tecnologia, além da ficha de inscrição. Também este mês, as principais emissoras de televisão divulgarão a convocação do MEC a estudantes e professores para que participem da olimpíada.

A iniciativa é dos ministérios da Educação e da Ciência e Tecnologia, do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa) e da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), com o apoio de empresas estatais. A olimpíada está dividida em três níveis:Nível I - 5ª e 6ª sériesNível II - 7ª e 8ª sériesNível III - Ensino Médio
E será realizada em duas fases: 1ª fase (prova objetiva de 20 questões para todos os alunos). Cada aluno realizará esta prova em sua própria escola; 2ª fase (prova dissertativa com seis a oito questões). Desta fase participarão apenas 5% dos alunos com melhor desempenho na 1ª fase em cada escola. Os locais de prova da 2ª fase serão divulgados posteriormente.

"As escolas não terão limite de inscrição de alunos. Nossa intenção é que todos participem", disse Mônica Souza, coordenadora da Obmep.  Segundo Mônica, mesmo que a escola já tenha feito a indicação do número de alunos participantes, poderá acrescentar mais alunos até o encerramento das inscrições.

Estimular e promover o estudo de matemática, identificar jovens talentos, oferecer oportunidades de ingresso nas áreas científica e tecnológica e incentivar o aperfeiçoamento dos professores das escolas públicas são objetivos da olimpíada. Os professores cumprirão papel fundamental ao incentivar, acompanhar e treinar os alunos.

Prêmios - Os 300 primeiros classificados na olimpíada ganharão medalhas de ouro; os 405 segundos classificados em âmbito estadual e municipal ganharão medalhas de prata. Serão entregues ainda 405 medalhas de bronze e 30 mil menções honrosas. Aos estudantes com melhor classificação serão oferecidas, ainda, bolsas de iniciação científica júnior, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), com vigência de um ano.

Os cem professores premiados - 27 dos estados que obtiverem maior pontuação e 73 com maior número de pontos no cômputo nacional -ganharão um estágio de 15 dias no Impa. As cem escolas escolhidas por pontuação, conforme a premiação dos alunos, ganharão laboratórios de computação e receberão certificados de mérito nacional e dentre essas, 27 (uma de cada UF) ganharão laboratórios de computação.

Cinco municípios cujas escolas obtiverem maior número de pontos na região geográfica - Norte, Nordeste, Sul, Sudeste e Centro-Oeste - serão contemplados com quadras de esportes. Outros 50 municípios receberão certificados de mérito nacional.

Os resultados serão divulgados no dia 9 de novembro. A data da premiação ainda será definida. O regulamento, a ficha de inscrição, a prova-modelo e outras informações sobre a olimpíada estão na internet. Podem ser feitos contatos também pelos telefones 0800 616161 ou (21) 2529-5084 e no endereço eletrônico Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. As fichas de inscrição preenchidas pelas escolas devem ser enviadas pela internet www.obmep.org.br ou por via postal (em formato de carta-resposta, que será enviada para todas as escolas - não sendo necessário selar ou endereçar esta carta).

Repórter: Susan Faria

Assunto(s): mec , notícias , jonalismo , matérias
X
Fim do conteúdo da página