Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > MEC firma convênio com SBPC
Início do conteúdo da página
Residência médica

Programa de expansão amplia número de bolsas

  • Quinta-feira, 22 de outubro de 2009, 11h35
  • Última atualização em Sexta-feira, 06 de novembro de 2009, 11h55

Como os projetos de implantação de mestrado profissional associado a programas de residência em saúde, a residência médica chega a um patamar superior do ponto de vista da hierarquia da pós-graduação. (Foto: Wanderley Pessoa)O Programa Nacional de Apoio à Formação de Médicos Especialistas em Áreas Estratégicas (Pró-Residência), lançado pelo Ministério da Educação e da Saúde no dia 22 de outubro, prevê a ampliação da oferta de bolsas de residência médica em especialidades e regiões prioritárias para o Sistema Único de Saúde (SUS).

Serão oferecidas duas mil bolsas de residência até 2011. A oferta atual é de 1,7 mil bolsas. Isso significa um total de 3,7 mil vagas.

As especialidades prioritárias são de saúde da criança, da mulher, do idoso, mental, oncologia, de atenção primária, urgência e emergência, em regiões prioritárias. O valor da bolsa será de R$ 1,9 mil.

Editais — A distribuição das bolsas será feita a partir da apresentação de propostas. Podem se candidatar os hospitais universitários federais, de ensino e as secretarias estaduais e municipais de saúde, prioritariamente das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste.


O primeiro edital, com prazo para apresentação de propostas até 30 de novembro, selecionará projetos de ampliação de vagas em programas já existentes ou de criação de programas que dependam exclusivamente de bolsas de residência para iniciar as atividades. Nessa modalidade, serão distribuídas mil bolsas. A divulgação dos projetos aprovados está prevista para 11 de dezembro.


As outras mil bolsas serão distribuídas entre os projetos apresentados por instituições que necessitam de investimentos em infraestrutura e formação de médicos que fazem a supervisão de estudantes e residentes em atividades práticas. Nesses casos, os programas serão desenvolvidos em convênio com instituições de referência no país. Para esses proponentes, o prazo de apresentação de propostas vai até 31 de janeiro de 2010.

Assessoria de Comunicação Social do MEC

Republicada com acréscimo de informações

Confira os editais:
Edital Pró-Residência I
Edital Pró-Residência II

Confira o relatório sobre as especialidades e regiões prioritárias

Portaria Interministerial que institui o Pró-Residência

Leia mais...
Projetos na área de saúde já podem ser apresentados

X
Fim do conteúdo da página