Portal do Governo Brasileiro
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Todas as notícias > MEC lança Sistema Educacional Brasileiro, banco de dados nacional de estudantes
Início do conteúdo da página
  • Abertas as inscrições para o Congresso de Educação em Direitos Humanos

    Estão abertas as inscrições para o 1º Congresso Interamericano de Educação em Direitos Humanos, que será realizado de 30 de agosto a 2 de setembro, no Hotel Grand Bittar, em Brasília. O encontro vai reunir especialistas nacionais e internacionais interessados na implementação de uma política de educação em direitos humanos no Brasil.

    No evento, será apresentada a versão revisada do Plano Nacional de Educação em Direitos Humanos, que foi amplamente discutido em todos os estados brasileiros. A primeira versão do documento foi elaborada pelo Comitê Nacional para Educação em Direitos Humanos e recebeu mais de 4.200 contribuições.

    Entre os objetivos do Congresso estão: o debate sobre a importância da educação em direitos humanos; a identificação dos compromissos internacionais na implementação do plano global e dos planos nacionais de educação em direitos humanos; o intercâmbio de políticas públicas relacionadas ao tema; a análise de experiências de educação em direitos humanos desenvolvidas por governos e sociedade civis; e o intercâmbio entre os comitês nacional e estaduais de educação em direitos humanos.

    O evento será promovido pela Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH), Ministério da Educação, Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça e Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco). As inscrições podem ser feitas na página eletrônica da SEHD.

    Repórter: Flavia Nery

  • Abertas as inscrições para o PAS

    Já estão abertas as inscrições para o Programa de Avaliação Seriada (PAS) da Universidade de Brasília (UnB). Estudantes matriculados na 1ª série do ensino médio em escolas de todo o Brasil têm até as 20 horas do dia 11 de setembro para preencherem o formulário disponível na internet, na página eletrônica do Cespe. Quem não tiver acesso à internet poderá se inscrever em postos da UnB e nas diretorias regionais de ensino, da Secretaria de Educação do Estado.

    A UnB reserva 50% de suas vagas sem vestibular, no segundo concurso do ano, para os melhores alunos classificados nas três fases do programa. No primeiro ano o aluno faz prova geral sobre o que estudou. No segundo ano escolhe a área que quer cursar. E, no terceiro, indica o curso. Todos os candidatos devem marcar a opção de língua estrangeira (inglês, francês ou espanhol) e de artes (visuais, cênicas ou plásticas). A inscrição para a primeira etapa custa R$ 40, para a segunda R$ 45 e, para a terceira, R$ 55. As próximas etapas serão no fim de 2006 e de 2007.

    O PAS – que completa dez anos –, seleciona de maneira gradual e sistemática os futuros alunos da universidade. Quem está matriculado na 1ª série do ensino regular de três anos completos, da rede pública ou privada, fará parte da 1ª etapa do subprograma 2005. Cada subprograma corresponde a três etapas da seleção, no fim de cada série. Alunos que entrarem no subprograma este ano farão provas em 2005, 2006 e 2007.

    No momento, 2.095 escolas de todo o país são cadastradas no PAS, mas os alunos de escolas não-cadastradas também podem participar. No DF, 76 escolas públicas e 97 particulares, de nível médio, são cadastradas. No Entorno, 36 escolas particulares e 44 públicas são cadastradas.

    Prova – Todos os inscritos na primeira etapa do subprograma 2005 farão uma prova objetiva, de caráter não-eliminatório, no dia 4 de dezembro, com início às 14 horas. O boletim informativo personalizado, com a data e o local de realização da prova, bem como as opções de artes e de língua estrangeira será enviado ao candidato, a partir de 18 de novembro.

    O Núcleo de Atendimento ao Candidato do Cespe/UnB funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 19 horas, no mezanino do Instituto Central de Ciências, Ala Norte, ou pelo telefone (61) 3448-0100

    Repórter: Sonia Jacinto, com informações da Cespe

  • Abertas as inscrições para o Prêmio Sistema Interamericano de Direitos Humanos 2005

    Estão abertas as inscrições para o Prêmio Sistema Interamericano de Direitos Humanos 2005. Os interessados devem elaborar um trabalho com base no caso hipotético dos atentados a bomba contra a embaixada de Nova Átria e apresentá-lo até o dia 23 de março. As inscrições são gratuitas. A Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República (SEDH) coordena a premiação, com o apoio da Associação Nacional de Direitos Humanos, Pós-Graduação e Pesquisa (Andhep) e da empresa aérea Varig.

    Poderão concorrer ao prêmio equipes das faculdades de Direito e de Relações Internacionais formadas por dois alunos de graduação e um orientador. Os trabalhos devem ser inéditos e realizados exclusivamente pelos estudantes, com assistência do orientador. O resultado da competição será anunciado no dia 30 de março. O regulamento e a ficha de inscrição estão disponíveis no sítio da Presidência da  República. Os documentos devem ser enviados por Sedex para o seguinte endereço: Secretaria Especial dos Direitos Humanos da Presidência da República - Esplanada dos Ministérios, Bloco T, Anexo II, sala 203, Cep70.064-900 Brasília DF. A equipe participante deverá obrigatoriamente registrar o endereço eletrônico para o envio de informações.

    A equipe vencedora ganhará passagem de ida e volta pela Varig para Washington e isenção da taxa de pagamento do simulado de julgamento da Corte Interamericana de Direitos Humanos. O simulado é promovido pelo Centro de Direitos Humanos e Direito Humanitário da American University e acontece entre os dias 23 e 27 de maio na capital norte-americana. Em geral, a taxa para participar deste evento é de 300 dólares. A participação no Prêmio Sistema Interamericano de Direitos Humanos não constitui requisito para o envolvimento direto das equipes com a simulação da universidade americana.

    O objetivo da SEDH com a realização deste prêmio é divulgar e promover o funcionamento do Sistema Interamericano de Direitos Humanos nas instituições de ensino superior brasileiras. Os interessados em concorrer à disputa podem ter acesso ao tema por meio do endereço eletrônico do concurso. Mais informações podem ser obtidas por meio do endereço eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. (SEDH/PR)

  • Abertas as inscrições para o Pró-Licenciatura

    O Programa de Formação Inicial para Professores em Exercício no Ensino Fundamental e no Ensino Médio (Pró-Licenciatura) abriu inscrições para projetos de universidades públicas, comunitárias e confessionais (ligadas a igrejas) que desenvolvem cursos de graduação a distância. Os projetos selecionados serão financiados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC). O valor de cada projeto dependerá da região de atendimento e da quantidade de vagas.

    O Pró-Licenciatura está dividido, este ano, em três fases. A primeira, cujas inscrições encerram-se no dia 19 próximo, para universidades que já oferecem cursos a distância e queiram abrir turmas novas nos cursos já existentes. A segunda, para abertura de cursos novos em letras (língua portuguesa e estrangeira), história, geografia e arte, com inscrições de 19 a 23 próximos. A terceira, também para cursos novos nas áreas de educação física, ciências biológicas, matemática, física e química.

    O Pró-Licenciatura é uma iniciativa do Ministério da Educação para melhorar a qualidade da educação básica no Brasil. Após a seleção dos projetos, as universidades selecionadas farão convênio com o FNDE e promoverão exames vestibulares. “As aulas devem começar logo no início de 2006. Cada curso terá duração de quatro anos”, explicou Max Ordonez, assessor da Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC). Os cursos serão ministrados a distância, com fases presenciais, para professores da rede pública em exercício da quinta à oitava série do ensino fundamental e de todas as etapas do ensino médio e técnico que não tenham a formação mínima exigida pela Lei de Diretrizes e Bases (LDB).

    As disciplinas de base comum do programa são língua portuguesa, língua estrangeira (inglês e espanhol), história, geografia, matemática, ciências, arte e educação física. No ensino médio e técnico há, também, química, física e biologia.

    Inscrições— Informações sobre inscrições estão disponíveis na página eletrônica da SEB, ícone Pró-Licenciatura/seleção, ou na Coordenação do Ensino Fundamental da SEB. Para fazer a inscrição, é importante que o interessado tome conhecimento da Resolução do FNDE nº 34, de 9 de agosto deste ano, e preencha os anexos. A resolução informa sobre as diretrizes pedagógicas e conceituais que os projetos devem seguir.

    Repórter: Susan Faria

  • Abertas as inscrições para professor visitante nos Estados Unidos

    Pesquisadores e professores interessados em divulgar a ciência, a tecnologia e a cultura brasileiras nos Estados Unidos podem participar da seleção do Programa Professor Visitante Sênior. As inscrições devem ser feitas até 31 de março.

    A parceria entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) e a Comissão Fulbright (comissão para intercâmbio educacional entre Estados Unidos e Brasil) pretende possibilitar a presença de professores brasileiros de diversas áreas do conhecimento no meio acadêmico norte-americano. Eles darão aulas, farão pesquisas e proporcionarão orientação técnica e científica.

    O Programa oferece dez vagas. Para concorrer, é preciso ser doutor há no mínimo cinco anos, ter nacionalidade brasileira e estar credenciado como professor e orientador em programa de pós-graduação reconhecido pela Capes. Além disso, é preciso desempenhar atividades acadêmicas em tempo integral, ter fluência na língua inglesa e não receber benefício financeiro de outras agências ou entidades brasileiras com o mesmo objetivo. Não serão aceitas inscrições de candidatos que estejam nos Estados Unidos ou que lá estiveram desde de janeiro de 2004 para desenvolver atividades acadêmicas de natureza similar às do programa.

    A avaliação das candidaturas caberá a uma comissão formada por representantes da Capes e da Comissão Fulbright. Será analisado o currículo e o plano de atividades. A coordenadora-geral de programas com o exterior da Capes, Maria Luiza Lombas, alerta que não serão analisadas candidaturas com documentação incompleta ou encaminhadas fora do prazo previsto.

    Os selecionados receberão bolsa de US$ 4 mil por até quatro meses, auxílio-instalação, seguro-saúde e passagem aérea de ida e volta em classe econômica promocional. O grupo participará do ano acadêmico americano, de setembro de 2006 a junho de 2007.

    Mais informações na página eletrônica da Capes.

    Adriane Cunha

  • Abertas as inscrições para projeto no Mercosul

    Estão abertas as inscrições para o concurso internacional, no âmbito do Mercado Comum do Sul (Mercosul), à vaga de diretor de projeto relacionado às ações do bloco na área de educação superior, com o apoio da União Européia (UE). O contrato prevê a contratação por 12 meses, renovável por prazos iguais, até o período máximo de 54 meses.

    Os interessados deverão ter disponibilidade para morar em Montevidéu (Uruguai) e a remuneração será de 21.600 euros anuais. Poderão candidatar-se cidadãos nacionais dos quatro países-membros do bloco - Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. As bases da convocatória e o formulário-padrão para informações relacionadas ao currículo dos candidatos estão disponíveis no portal do MEC e na página eletrônica do Inep.

    Inscrições - As inscrições ao cargo serão aceitas até as 12h do dia 26 de maio. A documentação referente às exigências do edital deverá ser enviada, via Sedex, para a Dirección Nacional de Cooperación Internacional del Ministério de Educación, Ciencia y Tecnología de la República Argentina, cujo endereço é Pizzurno, 935, 2º piso, Of. 225 BIS (mesa de Entradas de la Dirección Nac. de Cooperación Internacional) - Ciudad Autónoma de Buenos Aires, República Argentina. No envelope, deverá constar "Referência: projeto UE-Mercosul".

    Lívia Jappe

  • Abertas incrições para pós-graduação na Argentina

    Estão abertas as inscrições para cursos de pós-graduação na Facultad Latinoamericana de Ciencias Sociales (Flacso), na Argentina, destinados a estudantes latino-americanos, funcionários da área de educação, pesquisadores e acadêmicos. Serão oferecidas dez bolsas para a manutenção de estudantes latino-americanos do curso de ciências sociais com orientação em educação. A duração da bolsa é de dois anos, de julho de 2005 a junho de 2007.

    O aluno interessado deve redigir uma nota à coordenação do mestrado da Flacso para formalizar a inscrição. Após esse procedimento, serão analisados o currículo e a situação pessoal do aluno, bem como seu perfil, para a concessão da bolsa. Os documentos solicitados na análise, os pré-requisitos e o formulário de inscrição estão na página da faculdade na internet. As inscrições e a documentação devem ser entregues antes do dia 14 de abril, data fixada pela instituição.

    Elaina Daher

  • Abertas inscrições ao Enade 2007

    Começa nesta terça-feira, 31 de julho, e vai até 31 de agosto o período de inscrições ao Exame Nacional de Desempenho de Estudantes 2007 (Enade). Todas as instituições de ensino superior do país que oferecem cursos nas 16 áreas que serão avaliadas pelo Enade neste ano deverão enviar ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) os dados de seus alunos ingressantes e concluintes. As inscrições, feitas pela internet, são de responsabilidade dos coordenadores de curso.

    Participarão do Enade 2007 cursos das áreas de agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social, tecnologia de radiologia, tecnologia em agroindústria, terapia ocupacional e zootecnia.

    O Enade é uma avaliação que busca medir a contribuição do curso na formação do estudante. Dessa forma, aplica a mesma prova para alunos ingressantes e para alunos concluintes de cada um dos cursos avaliados — medindo, assim, a situação em que o estudante chegou ao curso e a situação em que está saindo, o que permite avaliar o que foi agregado em termos de conhecimento, tanto geral quanto específico.

    Amostragem — Trata-se de um exame amostral, ou seja, não são todos os ingressantes e concluintes dos cursos avaliados que serão submetidos à prova. Mesmo assim, as instituições de educação superior inscrevem todos seus alunos e o Inep define, por meio de amostragem estatística, quais efetivamente farão a prova. A lista dos alunos selecionados para fazer o Enade 2007 será divulgada no dia 25 de setembro.

    A prova do Enade 2007 será aplicada no dia 11 de novembro de 2007, com início às 13h (horário de Brasília).

    Assessoria de Imprensa do Inep

  • Abertas inscrições Capes-Brafitec

    A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) recebe inscrições, até 2 de outubro, para o Programa Capes-Brafitec. O programa é realizado com a Conferência dos Diretores de Escolas Francesas de Formação de Engenheiros, para apoiar parcerias entre instituições de ensino superior do Brasil e da França, na área das engenharias. Tem financiamento para intercâmbio de estudantes de graduação e mobilidade de docentes. As atividades terão início em março de 2008.

    Cada parceria receberá até R$ 120 mil anuais para financiamento das passagens aéreas, diárias e bolsas de estudos. Além disso, as equipes brasileiras receberão R$ 10 mil para custeio. De acordo com a coordenadora adjunta da Cooperação Internacional da Capes, Fátima Battaglin, o Capes-Brafitec possibilita que estudantes de engenharia brasileiros e franceses cursem disciplinas em nível de graduação, em instituições parceiras.

    “O aluno estará inserido na instituição parceira do outro país durante um ou dois semestres. Nesse período, além dos conteúdos próprios do curso, irá aprender uma nova língua e ter contato com uma nova cultura”, destaca. Para participar do intercâmbio, os estudantes devem ter concluído 50% dos créditos requeridos pelos respectivos cursos.

    A coordenadora destaca ainda a importância do programa para os professores. “Durante as missões de trabalho, os docentes participam de planejamentos conjuntos, fazem palestras e ministram aulas no país parceiro”, explica. O período máximo de permanência é de 60 dias.

    Avaliação ― As propostas serão avaliadas, na primeira etapa, por consultores da Capes. Serão considerados aspectos como a coerência da proposta, objetivos e relevância do tema. A seleção final será feita em novembro durante reunião conjunta Brasil-França. Serão considerados o mérito acadêmico-científico das propostas e o interesse de cada agência financiadora. Informações na página eletrônica do Programa Capes-Brafitec.

    Fátima Schenini

  • Abertas inscrições para a Conferência Nacional de Educação Profissional

    Já estão disponíveis no sítio da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec/MEC) as fichas de inscrição para os interessados em participar da 1ª Conferência Nacional de Educação Profissional e Tecnológica.

    A conferência, promovida pelo Ministério da Educação – por meio da Setec – em conjunto com o Fórum Nacional de Gestores Estaduais de Educação Profissional, será realizada de 5 a 8 de novembro, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

    Outras informações na página eletrônica da Setec. (Assessoria de    Imprensa da Setec)

  • Abertas inscrições para a contratação dos Projetos Inovadores de Cursos

    Foi aberto nesta segunda-feira, 26, o processo seletivo para a contratação dos Projetos Inovadores de Cursos (PICs) 2005, para execução em 2006. Os PICs são desenvolvidos pelo Ministério da Educação e integram o Programa Diversidade na Universidade, da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade (Secad/MEC).

    As inscrições podem ser feitas até o dia 9 de novembro. Uma das inovações apresentadas no Edital nº 713/2005, expedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), é que o processo seletivo está aberto a todas as unidades da Federação e não mais somente a nove, como no ano passado.

    Podem se candidatar entidades de direito público ou privado sem fins lucrativos para a execução direta das propostas dos PICs, que visem à promoção do acesso ao ensino superior e ao reforço do desempenho no ensino médio de afrodescendentes e indígenas em todos os estados.

    Exigências - Os interessados em participar do processo deverão comprovar sua idoneidade legal, técnica e financeira, além de apresentar antecedentes gerais da instituição; experiência prévia de pelo menos um ano em cursos semelhantes; e qualificação técnica. De acordo com o edital, as instituições poderão constituir parceria visando melhorar suas qualificações técnicas.

    Mais informações na Secad, com Paula Coelho: (61) 2104-5128; Maria Helena: (61) 2104-5129; Magda Fernandes: (61) 2104-5132; e Angélica Cunha: (61) 2104-5131.

    Repórter: Sonia Jacinto

  • Abertas inscrições para a Olimpíada Brasileira de Física

    Estão abertas, até 15 de julho, as inscrições para o cadastramento dos professores de escolas de ensino médio de todo o país que desejarem que seus alunos participem da oitava edição da Olimpíada Brasileira de Física (OBF), organizada pela Sociedade Brasileira de Física (SBF). Depois de credenciados, os professores poderão inscrever quantos alunos quiserem de suas escolas para a primeira fase da OBF, cujas provas ocorrerão em agosto. A SBF espera a participação de 60 mil participantes; em 2005, foram 45.625 alunos, de 3.070 escolas de todos os estados brasileiros.

    O objetivo da OBF, que tem o apoio do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), é fazer da olimpíada um instrumento para despertar e estimular o interesse pela Física, melhorar seu ensino e incentivar os estudantes a seguirem carreiras científico-tecnológicas, explica Antônio José Roque da Silva, professor da Universidade de São Paulo e vice-presidente da comissão que organiza a OBF 2006. O certame também serve de preparação para a Olimpíada Internacional de Física, que neste ano será em Cingapura e no ano que vem no Irã, e para a Olimpíada Ibero-americana de Física, que em 2006 acontecerá em Portugal e em 2007, na Argentina.

    Para que o aluno possa participar da OBF é preciso que sua escola tenha pelo menos um professor credenciado no evento. Para este credenciamento, cada escola deverá preencher o cadastro de inscrição on-line, na página eletrônica da SBF. A escola que não possuir conexão com a internet deverá solicitar o formulário impresso à coordenação da OBF em seu Estado (o endereço constará nos cartazes que serão distribuídos a partir da semana que vem) ou à secretaria geral do evento (O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.). As inscrições são gratuitas e poderão participar estudantes que estiverem regularmente matriculados no ensino médio.

    A OBF é realizada em três fases. A primeira será uma prova de múltipla escolha, no mês de agosto, nas próprias escolas que inscreveram seus alunos. A segunda fase, uma prova discursiva, será realizada em setembro, em locais determinados pelo coordenador estadual. Participarão da segunda fase os estudantes que atingirem na primeira um número mínimo de acertos, definido pela Comissão da Olimpíada Brasileira de Física. A terceira fase ocorrerá em novembro, na sede da Coordenação Estadual, com a participação dos estudantes que se classificarem na segunda fase. As provas da terceira fase têm uma parte com experimentos.

    Os alunos melhor classificados farão parte de um grupo do qual serão selecionadas as equipes para representar o Brasil na Olimpíada Internacional de Física e na Olimpíada Ibero-americana de Física.

    O Brasil, que participa dessas olimpíadas através da OBF desde 2000, já apresenta um bom desempenho, obtendo menções honrosas e medalhas. Na Internacional, em 2005, conquistou uma medalha de bronze e duas menções honrosas, entre mais de trezentos estudantes de setenta países. Já na Ibero-americana, que inclui 19 países da América Latina mais Portugal e Espanha, os estudantes brasileiros conquistaram, em 2004 e 2005, o primeiro lugar, com duas medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze.

    Maiores informações sobre o evento na página eletrônica da SBF ou na secretaria geral da Olimpíada, pelo telefone (11) 3814-5152. (Assessoria de Comunicação Social do MEC)

  • Abertas inscrições para bolsas de especialização na Alemanha

    Estão abertas até 11 de março as inscrições para bolsas de estudo para doutorado integral, doutorado sanduíche, estadas de pesquisa para doutorando e pós-doutorado para brasileiros ou naturalizados que desejam aperfeiçoar seus estudos na Alemanha.

    As bolsas são concedidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) e pelo Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq), por meio do Intercâmbio Acadêmico Brasil-Alemanha (Daad). Têm prioridade professores universitários e pesquisadores de qualquer área da ciência. Para obter informações complementares e a ficha de inscrição acessar este endereço eletrônico do Intercâmbio Acadêmico Brasil - Alemanha.

    Doutorado integral - Para concorrer, são requisitos ter mestrado e comprovação de rendimento acadêmico acima da média; apresentar plano de pesquisa; carta de aceitação de um professor de instituição superior alemã; e idade-limite de 32 anos. As bolsas, com duração de um ano, que podem ser prorrogadas por até três anos e meio, variam entre 715 e 975 euros mensais. O selecionado receberá também passagem aérea de ida e volta e curso de língua alemã de até seis meses na Alemanha.

    Doutorado sanduíche - Essa bolsa destina-se a doutorandos de universidades ou instituições de pesquisas brasileiras, para realizar estudos de um a dois anos na Alemanha. São requisitos: ter mestrado ou inscrição para curso regular de doutorado no Brasil; plano de pesquisa; carta de aceitação do orientador alemão; idade-limite de 36 anos e conclusão de todos os créditos. O valor dessa bolsa ainda não está definido e o aluno terá, entre outros auxílios, curso de língua alemã de até seis meses, passagens de ida e volta.

    Estada de pesquisa - A duração dessa bolsa será de dois a seis meses para complementar pesquisa que seja relevante para o desenvolvimento da tese de doutorado em universidades, institutos de pesquisa, laboratórios ou bibliotecas alemãs. Entre os requisitos, a matrícula regular em curso de doutorado em universidade brasileira, recomendação do orientador brasileiro e aceitação do orientador alemão. O bolsista receberá como auxílio extra 350 euros por mês, mil euros para passagem aérea, seguro-saúde e tem garantida a manutenção da sua bolsa de doutorado no Brasil.

    Pós-doutorado - Essa bolsa, com duração de um ano, destina-se a doutores brasileiros com experiência docente e publicações recentes para realização de pesquisa na Alemanha. São requisitos: ter mestrado e doutorado completos; rendimento acadêmico acima da média; plano de pesquisa. O valor da bolsa está sendo revisado na Alemanha, mas é garantido curso de língua alemã de até seis meses, passagem de ida e volta, entre outros benefícios.

    Repórter: Ionice Lorenzoni

  • Abertas inscrições para bolsas de mestrado e doutorado para estrangeiros

    Os estrangeiros interessados em concorrer a bolsas de estudos no Brasil, para mestrado e doutorado, têm prazo até 29 de julho para se inscrever no Programa de Estudantes-Convênio de Pós-Graduação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, do Ministério da Educação (Capes/MEC); da Divisão de Temas Educacionais, do Ministério das Relações Exteriores; ou do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, do Ministério de Ciência e Tecnologia (CNPq).

    As inscrições são feitas nas embaixadas do Brasil, nos países dos candidatos. O formulário de inscrição está na página da Capes . Após ser preenchido on line e impresso, o formulário deverá ser entregue nas embaixadas, com a documentação.

    "Um candidato colombiano, que more na Argentina, por exemplo, deverá preencher o formulário no sítio da Capes, imprimi-lo e encaminhá-lo à embaixada do Brasil na Colômbia, com os documentos", explica a assessora técnica da Capes, Ivana Ferreira. Segundo ela, os candidatos sem acesso à internet poderão preencher o formulário nas próprias embaixadas.

    Requisitos – O candidato à bolsa deve ser cidadão dos países em desenvolvimento com os quais o Brasil tem acordo de cooperação educacional ou cultural (países da África, Ásia, Caribe, Oceania e América Latina).

    O candidato não pode ser cidadão brasileiro (nem binacional), nem ter visto permanente no Brasil. Outros requisitos necessários são: Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras), currículo e plano de trabalho, em língua portuguesa, e duas cartas de recomendação. No caso de ex-bolsista do programa, o candidato deve ter exercido atividades profissionais em seu país de origem por, pelo menos, dois anos.

    As bolsas de mestrado têm duração de 24 meses, as de doutorado, 48 meses, sendo improrrogáveis nos dois casos. Elas são concedidas em todas as áreas de conhecimento nas quais existam programas de pós-graduação que emitam diplomas de validade nacional. Os programas devem ter sido avaliados pela Capes, com nível igual ou superior a quatro. Os resultados serão divulgados em dezembro e as atividades acadêmicas terão início em março de 2006. Mais informações na página eletrônica da Capes.

    Repórter: Fátima Schenini

  • Abertas inscrições para intercâmbio Brasil-Cuba

    A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) está com inscrições abertas, até 31 de julho, para o programa em parceria com o Ministério da Educação Superior de Cuba. O objetivo do programa é apoiar a formação de recursos humanos de alto nível nos dois países, nas diversas áreas do conhecimento.

    O programa apóia projetos de pesquisa e cooperação científica entre instituições de ensino superior do Brasil e de Cuba que visem à formação de recursos humanos em nível de pós-graduação e o aperfeiçoamento de professores. As propostas devem estar vinculadas a programas de pós-graduação avaliados pela Capes, preferencialmente com conceitos cinco, seis ou sete, e contemplar, em especial, a formação de doutorandos, pós-doutorandos e o aperfeiçoamento de professores e pesquisadores.

    A equipe proponente deve ser composta de pelo menos dois doutores e ter sob sua coordenação professor ou pesquisador brasileiro com título de doutor há pelo menos quatro anos, de reconhecida competência na área.

    Financiamento – O programa financia missões de trabalho e de estudos (bolsas). A Capes é responsável pelo pagamento das passagens aéreas dos brasileiros e custeio das atividades até o valor de R$ 3 mil. O governo de Cuba financia as passagens aéreas dos cubanos.

    As missões serão custeadas pelo governo cubano, que ficará encarregado do alojamento, alimentação, transporte e assistência médica (em caso de emergência). A Capes pagará o seguro-saúde proporcional ao período de permanência no exterior dos brasileiros em missão de estudos. As missões de trabalho e de estudos para cubanos serão pagas pelo governo brasileiro, conforme o edital do programa.

    Pela primeira vez desde sua criação, em 1996, será possível a inscrição pela internet. A medida estima um crescimento no número de inscritos. Mais informações na página eletrônica da Capes.

    Repórter: Fátima Schenini

     

  • Abertas inscrições para intercâmbio com a Alemanha

    A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior do Ministério da Educação (Capes/MEC) está com inscrições abertas, até 30 de junho, para dois programas conjuntos de parcerias binacionais entre instituições de ensino superior do Brasil e da Alemanha. O Unibral é voltado para a graduação e o Probral, para a pós-graduação. Os dois programas são realizados em parceria com o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (Daad).

    O objetivo do Unibral é estimular, por meio de projetos conjuntos de pesquisa, o intercâmbio de grupos de estudantes de graduação e professores brasileiros e alemães, em área de formação acadêmica, bem como a aproximação curricular e o reconhecimento mútuo de créditos. Sua principal modalidade de apoio é o financiamento de missões de trabalho e bolsas de estudos de graduação. Desde sua criação, em 2000, o Unibral já atendeu 36 projetos.

    Probral - Criado em 1994, o Probral já beneficiou 253 projetos. Tem como objetivo incentivar, também, por meio de projetos conjuntos de pesquisa, o intercâmbio de professores e pesquisadores brasileiros e alemães, vinculados a programas de pós-graduação de instituições de ensino superior.

    O programa apóia a formação de recursos humanos de alto nível nos dois países (doutorado-sanduíche e pós-doutorado) e o aperfeiçoamento de professores e pesquisadores, nas diversas áreas do conhecimento, por meio de bolsas de estudos. A avaliação conjunta dos projetos inscritos para os dois programas será em novembro deste ano. As atividades do Unibral terão início em fevereiro e as do Probral em março de 2007.

    Repórter: Fátima Schenini

  • Abertas inscrições para intercâmbio de pós-graduandos entre Brasil e Portugal

    Estão abertas, até 30 de agosto, as inscrições para o programa de cooperação internacional da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) em parceria com o Gabinete de Relações Internacionais da Ciência e do Ensino Superior de Portugal (Grices). O programa apóia projetos conjuntos de pesquisa de cursos de pós-graduação recomendados pela Capes e financia o intercâmbio de bolsas de doutorado-sanduíche e pós-doutorado. No ano passado, a Capes aprovou 27 projetos nas áreas de engenharias e ciências sociais, que estão em andamento. Este ano, o programa recebe projetos de todas as áreas.

    “No mundo globalizado é importante cooperar para não ficar para trás”, diz a assessora da coordenação-geral de Cooperação Internacional da Capes, Maria Luiza Pereira. O programa Capes/Grices foi criado em 1997. Foram 240 projetos conjuntos aprovados entre Brasil e Portugal, com a participação de 1.500 pesquisadores e estudantes brasileiros. Segundo Maria Luiza, o intuito do programa é ampliar a rede acadêmica entre os países. “É preciso trocar experiências e conhecimento”, completa.

    Para ingressar no programa, o professor deve estar vinculado a um programa de pós-graduação stricto sensu avaliado pela Capes, preferencialmente com conceitos cinco, seis e sete. O projeto deverá ter caráter inovador e privilegiar o efeito multiplicador do conhecimento. O grupo de pesquisa no Brasil deverá identificar um parceiro português. São necessários dois doutores por equipe. Um deles deve ser o coordenador.

    O doutorado-sanduíche é um doutorado em colaboração com alguma instituição de pesquisa do exterior. Normalmente, o doutorando passa uma fase inicial no Brasil, seguida de uma fase no exterior (um ano), e retorna para a última fase, no final da qual ocorre a defesa.

    Vantagens – As vantagens do programa de cooperação são missões de trabalho, para atividades de ensino e pesquisa, e bolsas de estudos para doutorado-sanduíche e pós-doutorado. São concedidas, anualmente, até duas bolsas de estudos para brasileiros, por projeto, independentemente da modalidade. No caso de pós-graduando stricto sensu, serão considerados os candidatos que tenham cumprido pelo menos um ano ou 50% dos créditos de estudos no Brasil.

    O professor do programa Capes/Grices receberá bolsa de 1.100 euros (cerca de R$ 3.000,00) para doutorado-sanduíche e 2.000 euros (cerca de R$ 5.600,00) para doutorado pleno, passagens aéreas e diárias em Portugal. Além de custeio (material de consumo acadêmico) para os gastos da pesquisa, no valor máximo de R$ 5 mil por equipe de brasileiros, que pode ser composta por, no mínimo, seis pesquisadores e dois doutores formados.

    A duração dos projetos será de dois anos, com prorrogação por mais um. Em novembro, será feita a reunião conjunta de seleção dos projetos. As atividades começam em janeiro de 2007. (Assessoria de Imprensa da Capes)

  • Abertas inscrições para leitorado em 13 países

    A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC) está com inscrições abertas para o processo de seleção de professores interessados em divulgar a cultura brasileira em instituições universitárias estrangeiras de 13 países. As vagas são reservadas para a função de leitor, regulamentada pelo Ministério das Relações Exteriores desde 1999.

    Há cargos em Angola (Universidade Agostinho Neto), Argentina (Universidade de Córdoba), Canadá (Universidade de Quebec), Costa Rica (Universidade da Costa Rica), Dinamarca (Universidade de Aarhus), Estados Unidos (Universidade da Califórnia), França (Universidade Blaise Pascal/Clermont-Ferrand), Haiti (Universidade Federal do Haiti), Hungria (Escola Superior de Comércio Exterior), Nigéria (Universidade do Estado de Lagos), Panamá (Universidade do Panamá), República Tcheca (Universidade Carolina) e Trinidad e Tobago (Universidade das Índias Ocidentais).

    Segundo Maria Luiza Pereira de Carvalho, assessora da Coordenação Geral de Cooperação Internacional da Capes, o candidato aprovado deve se responsabilizar pela organização de cursos e palestras sobre a cultura brasileira. Ela adianta que o exercício do leitorado será de dois anos, com possibilidade de uma prorrogação, por igual período.

    “Os selecionados terão direito à passagem aérea para assumir as atividades na universidade estrangeira. Porém, só terão direito à passagem aérea para regressar ao país de origem, ao fim do período de leitorado, os que tenham exercido, pelo menos, 12 meses de atividade”, explicou Maria Luiza. O auxílio financeiro mensal e outros benefícios a que cada leitor terá direito variam de acordo com o país.

    Experiência — Os candidatos devem ter experiência no ensino de língua portuguesa para estrangeiros (na variante brasileira), de literatura e cultura brasileiras e de teoria literária e lingüística. Exige-se nacionalidade brasileira e currículo cadastrado na Plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Os interessados devem ter fluência em língua estrangeira, conforme as exigências correspondentes ao país para o qual pretendem se candidatar.

    As candidaturas devem ser solicitadas à Capes até 17 de maio, pelo correio eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.. Mais informações no Edital.

    Fátima Schenini

  • Abertas inscrições para mestrado em educação agrícola. Confira na agenda.

    Abertas inscrições para mestrado em educação agrícola
    Rio de Janeiro
    Professores das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste que lecionam em escolas agrotécnicas federais, escolas agrícolas vinculadas às universidades ou em centros federais de educação tecnológica (Cefets), que oferecem educação agrícola, têm prazo até dia 12 para concorrer às vagas do mestrado acadêmico em educação agrícola. A pós-graduação será ministrada pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). São 35 vagas e as aulas começam em abril. O edital e a ficha de inscrição estão na página eletrônica http://www.ia.ufrrj.br/ppgepa.

    MEC manda representantes ao Fórum Social Mundial
    Brasília
    Os secretários de Educação Básica, Francisco das Chagas, e da Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, Ricardo Henriques, e o chefe da assessoria internacional, Alessandro Candeas, representam o Ministério da Educação no Fórum Social Mundial, que ocorre de 20 a 25, em Nairóbi, Quênia, país do sudeste da África. Além de socializar programas como o Fundo da Educação Básica (Fundeb), criado para ampliar a qualidade em todos os níveis do ensino básico, e o programa de educação de jovens e adultos nas prisões, os representantes do MEC vão ouvir e colher informações de outros países que poderão ser adaptadas para a realidade brasileira.

    Instituto de Educação de Surdos faz vestibular dia 14
    Rio de Janeiro
    O Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), órgão do Ministério da Educação com sede no Rio de Janeiro (RJ), realiza no dia 14, vestibular para o Curso Normal Superior Licenciatura, habilitações em magistério para educação infantil e para séries iniciais do ensino fundamental. A prova objetiva e de redação será aplicada das 9h às 14h, na sede do Ines, pavilhão Saul Borges Carneiro, rua Laranjeiras, 232, bairro Laranjeiras, Rio de Janeiro. O Ines oferece 60 vagas, sendo 30 para surdos e 30 para demais concorrentes. Os aprovados no vestibular passarão por avaliação do conhecimento da Língua Brasileira de Sinais (Libras) no dia 21.

    Curso sobre prevenção de drogas começa dia 15
    Brasília
    Os 20 mil professores selecionados para o primeiro curso de Especialização em Prevenção de Drogas devem ficar atentos para o início das aulas que acontece dia 15. Até esta data, eles receberão em suas casas um livro com textos e exercícios e um DVD com 16 filmes de curta duração que constituem material de apoio para as atividades. O curso, promovido pelo Ministério da Educação e pela Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), é a distância e oferece aos concluintes certificado de especialização expedido pela UnB. Os 20 mil professores lecionam em 2.287 escolas públicas da educação básica de todas as regiões do país.

    Bolsas da Capes no Timor Leste
    Brasília
    Professores com licenciatura em língua portuguesa, pedagogia, psicologia, biologia, física, química, matemática, história, geografia, sociologia, filosofia e antropologia podem concorrer a 12 bolsas mensais de US$ 1.100 (equivalente a R$ 2.350,00) para participar de programa do Ministério da Educação no Timor Leste. Existe uma bolsa no valor de US$ 2 mil (R$ 4.300,00) para coordenador da equipe. Para esta vaga é exigido mestrado. As inscrições podem ser feitas até dia 12 pelo correio eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

    Federal de Mato Grosso abre vestibular para indígenas
    Cuiabá
    A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) fará vestibular exclusivo para indígenas do estado. São três vagas para o curso de medicina e três para enfermagem. As inscrições para o processo seletivo serão de 15 a 19. O vestibular terá duas fases: prova objetiva e redação no dia 11 de fevereiro e prova oral em 2 de março. Os estudantes deverão se inscrever nos núcleos de apoio de Água Boa, Juína e Rondonópolis; Ji-Paraná e Vilhena, em Rondônia; e nas administrações regionais da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Barra do Garças, Araguaia, São Félix do Araguaia, Campinápolis, Colíder, Cuiabá, Primavera do Leste, Tangará da Serra; e Cacoal (RO).

    Abertas inscrições para estágio de doutorandos
    Brasília
    Estudantes que fazem doutorado no Brasil e que desejam desenvolver parte da pesquisa em instituições estrangeiras de reconhecida excelência podem concorrer a bolsas do Programa de Doutorado no País com Estágio no Exterior (PDEE). As bolsas são oferecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) durante o ano todo, mas os interessados em estágios a partir de julho e agosto deste ano devem fazer a inscrição até 1º de março. Detalhes do processo estão na página eletrônica do PDEE.

    TV Escola exibe programação de férias
    Brasília
    A TV Escola está exibindo uma programação especial nos meses de férias escolares, janeiro e fevereiro. Vão ao ar documentários, animações, séries  especiais exibidos entre junho e novembro de 2006. A grade completa pode ser acessada em http://tvescola.mec.gov.br.

    Cefet-Bambuí seleciona alunos para 2007
    Bambuí (MG)
    O Centro Federal de Educação Tecnológica de Bambuí (Cefet-Bambuí), em Minas Gerais, está com inscrições abertas até dia 17. São 189 vagas em cursos superiores distribuidas nas áreas de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas (35), tecnologia em alimentos (44), tecnologia em gestão de turismo (35), tecnologia em administração: gestão de pequenas e médias empresas (35) e bacharel em zootecnia (40). O valor da inscrição é R$ 30,00. As provas serão dia 21. Os interessados podem se inscrever pelos Correios, nos postos de vendas do Cefet-Bambuí (campus e cidade). Também é possível candidatar-se e obter mais informações na página eletrônica da instituição.

    Concurso para nova sede da Capes
    Brasília
    Arquitetos de todo o Brasil podem apresentar projetos para a nova sede da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC), em Brasília. Organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil no Distrito Federal (IAB-DF), o concurso premiará os cinco melhores trabalhos. O primeiro colocado receberá R$ 25 mil. As inscrições estão abertas até dia 23 e devem ser feitas na página eletrônica do IAB-DF e os documentos, enviados pelos Correios. Mais informações no sítio da Capes.

    Abertas as inscrições para o prêmio Siscort
    Brasília
    O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC) promove a segunda edição do Prêmio Sistema de Controle de Remanejamento e Reserva Técnica (Siscort). As equipes das secretarias municipais e estaduais de educação e regionais de ensino de todo o país podem se inscrever na página eletrônica do FNDE. A coordenação do livro didático estabeleceu quatro categorias, de acordo com a quantidade de escolas nos estados. Cada estado pode concorrer em uma categoria. Os vencedores receberão certificado e uma coleção de livros de literatura do Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE 2006). A apuração será no dia 5 de março. Informações no endereço eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone 0800-616161.

  • Abertas inscrições para mestrado em educação agrícola. Veja na agenda.

    Abertas inscrições para mestrado em educação agrícola
    Rio de Janeiro
    Professores das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste que lecionam em escolas agrotécnicas federais, escolas agrícolas vinculadas às universidades ou em centros federais de educação tecnológica (Cefets), que oferecem educação agrícola, têm prazo até dia 12 para concorrer às vagas do mestrado acadêmico em educação agrícola. A pós-graduação será ministrada pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). São 35 vagas e as aulas começam em abril. O edital e a ficha de inscrição estão na página eletrônica http://www.ia.ufrrj.br/ppgepa/.

    MEC manda representantes ao Fórum Social Mundial
    Brasília
    Os secretários de Educação Básica, Francisco das Chagas, e da Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade, Ricardo Henriques, e o chefe da assessoria internacional, Alessandro Candeas, representam o Ministério da Educação no Fórum Social Mundial, que ocorre de 20 a 25, em Nairóbi, Quênia, país do sudeste da África. Além de socializar programas como o Fundo da Educação Básica (Fundeb), criado para ampliar a qualidade em todos os níveis do ensino básico, e o programa de educação de jovens e adultos nas prisões, os representantes do MEC vão ouvir e colher informações de outros países que poderão ser adaptadas para a realidade brasileira.

    Instituto de Educação de Surdos faz vestibular dia 14
    Rio de Janeiro
    O Instituto Nacional de Educação de Surdos (Ines), órgão do Ministério da Educação com sede no Rio de Janeiro (RJ), realiza no dia 14, vestibular para o Curso Normal Superior Licenciatura, habilitações em magistério para educação infantil e para séries iniciais do ensino fundamental. A prova objetiva e de redação será aplicada das 9h às 14h, na sede do Ines, pavilhão Saul Borges Carneiro, rua Laranjeiras, 232, bairro Laranjeiras, Rio de Janeiro. O Ines oferece 60 vagas, sendo 30 para surdos e 30 para demais concorrentes. Os aprovados no vestibular passarão por avaliação do conhecimento da Língua Brasileira de Sinais (Libras) no dia 21.

    Curso sobre prevenção de drogas começa dia 15
    Brasília
    Os 20 mil professores selecionados para o primeiro curso de Especialização em Prevenção de Drogas devem ficar atentos para o início das aulas que acontece dia 15. Até esta data, eles receberão em suas casas um livro com textos e exercícios e um DVD com 16 filmes de curta duração que constituem material de apoio para as atividades. O curso, promovido pelo Ministério da Educação e pela Secretaria Nacional Antidrogas (Senad), em parceria com a Universidade de Brasília (UnB), é a distância e oferece aos concluintes certificado de especialização expedido pela UnB. Os 20 mil professores lecionam em 2.287 escolas públicas da educação básica de todas as regiões do país.

    Bolsas da Capes no Timor Leste
    Brasília
    Professores com licenciatura em língua portuguesa, pedagogia, psicologia, biologia, física, química, matemática, história, geografia, sociologia, filosofia e antropologia podem concorrer a 12 bolsas mensais de US$ 1.100 (equivalente a R$ 2.350,00) para participar de programa do Ministério da Educação no Timor Leste. Existe uma bolsa no valor de US$ 2 mil (R$ 4.300,00) para coordenador da equipe. Para esta vaga é exigido mestrado. As inscrições podem ser feitas até dia 12 pelo correio eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

    Federal de Mato Grosso abre vestibular para indígenas
    Cuiabá
    A Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) fará vestibular exclusivo para indígenas do estado. São três vagas para o curso de medicina e três para enfermagem. As inscrições para o processo seletivo serão de 15 a 19. O vestibular terá duas fases: prova objetiva e redação no dia 11 de fevereiro e prova oral em 2 de março. Os estudantes deverão se inscrever nos núcleos de apoio de Água Boa, Juína e Rondonópolis; Ji-Paraná e Vilhena, em Rondônia; e nas administrações regionais da Fundação Nacional do Índio (Funai) em Barra do Garças, Araguaia, São Félix do Araguaia, Campinápolis, Colíder, Cuiabá, Primavera do Leste, Tangará da Serra; e Cacoal (RO).

    Abertas inscrições para estágio de doutorandos
    Brasília
    Estudantes que fazem doutorado no Brasil e que desejam desenvolver parte da pesquisa em instituições estrangeiras de reconhecida excelência podem concorrer a bolsas do Programa de Doutorado no País com Estágio no Exterior (PDEE). As bolsas são oferecidas pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) durante o ano todo, mas os interessados em estágios a partir de julho e agosto deste ano devem fazer a inscrição até 1º de março. Detalhes do processo estão na página eletrônica do PDEE. 

    TV Escola exibe programação de férias
    Brasília
    A TV Escola está exibindo uma programação especial nos meses de férias escolares, janeiro e fevereiro. Vão ao ar documentários, animações, séries  especiais exibidos entre junho e novembro de 2006. A grade completa pode ser acessada em http://tvescola.mec.gov.br.

    Cefet-Bambuí seleciona alunos para 2007
    Bambuí (MG)
    O Centro Federal de Educação Tecnológica de Bambuí (Cefet-Bambuí), em Minas Gerais, está com inscrições abertas até dia 17. São 189 vagas em cursos superiores distribuídas nas áreas de tecnologia em análise e desenvolvimento de sistemas (35), tecnologia em alimentos (44), tecnologia em gestão de turismo (35), tecnologia em administração: gestão de pequenas e médias empresas (35) e bacharel em zootecnia (40). O valor da inscrição é R$ 30,00. As provas serão dia 21. Os interessados podem se inscrever pelos Correios, nos postos de vendas do Cefet-Bambuí (campus e cidade). Também é possível candidatar-se e obter mais informações na página eletrônica da instituição.

    Concurso para nova sede da Capes
    Brasília
    Arquitetos de todo o Brasil podem apresentar projetos para a nova sede da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes/MEC), em Brasília. Organizado pelo Instituto de Arquitetos do Brasil no Distrito Federal (IAB-DF), o concurso premiará os cinco melhores trabalhos. O primeiro colocado receberá R$ 25 mil. As inscrições estão abertas até dia 23 e devem ser feitas na página eletrônica do IAB-DF e os documentos, enviados pelos Correios. Mais informações no sítio da Capes.

    Abertas inscrições para o prêmio Siscort
    Brasília
    O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC) promove a segunda edição do Prêmio Sistema de Controle de Remanejamento e Reserva Técnica (Siscort). As equipes das secretarias municipais e estaduais de educação e regionais de ensino de todo o país podem se inscrever na página eletrônica do FNDE. A coordenação do livro didático estabeleceu quatro categorias, de acordo com a quantidade de escolas nos estados. Cada estado pode concorrer em uma categoria. Os vencedores receberão certificado e uma coleção de livros de literatura do Programa Nacional Biblioteca da Escola (PNBE 2006). A apuração será no dia 5 de março. Informações no endereço eletrônico O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone 0800-616161.

Fim do conteúdo da página